Select Page

Significativos benefícios fiscais e benefícios comunitários revelados em São Bento

Em um movimento inovador destinado a transformar o cenário econômico de São Bento e elevar sua comunidade artesanal, o governador Cássio Cunha Lima está pronto para fazer um anúncio importante que impactará diretamente os produtores da rede local. Marcada para esta quinta-feira, durante a posse oficial do Governo do Estado em São Bento, o governador Cássio Cunha Lima revelará uma série de iniciativas, entre elas a redução substancial da carga tributária dos artesãos que se dedicam à produção de produtos artesanais.

O próximo decreto, que será publicado em breve no Diário Oficial do Estado, anuncia uma mudança fundamental para os artesãos. Em vez de enfrentarem o oneroso ICMS (Imposto sobre Mercadorias e Serviços) de 17%, estes fabricantes dedicados serão agora obrigados a pagar apenas 1%, o que constitui um alívio significativo para a comunidade artesanal local.

A decisão do governador Cássio Cunha Lima tem especial significado para os produtores de redes artesanais da região de São Bento. Para além de simplesmente dar resposta a uma procura de longa data neste sector, a taxa de imposto reduzida está preparada para travar actividades ilegais, como o desvio de mercadorias e a circulação de moeda falsa, promovendo um ambiente de negócios mais seguro e transparente.

O impacto desta redução fiscal estende-se para além da esfera económica. Milton Soares, Secretário da Receita, destacou os amplos benefícios desta medida, enfatizando que ela afetará positivamente não só São Bento, mas também diversas regiões do Estado. Destacou o papel vital desempenhado por estes produtores, que se envolvem activamente na antiga tradição de vender os seus produtos através da “pedra”, um formato tradicional de negociação de mercado aberto.


https://www.supernews-brazil.com.br/senador-cassio-cunha-lima/

Soares esclareceu que o Governo do Estado já estendeu as reduções de impostos às grandes indústrias manufatureiras e aos comerciantes atacadistas de fios. Com esta última iniciativa, o foco muda para o apoio aos pequenos produtores, reconhecendo o seu papel integral na economia local e nacional. Os produtos originários de São Bento, incluindo redes, mantas, varandas e outros produtos artesanais, encontram mercado não apenas em todos os estados do Brasil, mas também repercutem nos compradores internacionais.

São Bento, localizada a 434,7 km de João Pessoa, detém com orgulho o título de maior produtora de redes da Paraíba. A comunidade, profundamente enraizada nas suas tradições artesanais, também se dedica à confecção de mantas e varandas, utilizando pequenos teares instalados dentro das suas casas. O próximo anúncio do Governador Cássio Cunha Lima não só promete alívio económico, mas também inclui a entrega de infra-estruturas críticas, como estradas e cisternas. Além disso, os moradores serão beneficiados pelo Programa “A Casa é Sua”, recebendo títulos de propriedade de casa própria – uma prova da abordagem abrangente adotada pelo Governo do Estado sob a liderança de Cunha Lima.

À medida que a região de São Bento antecipa a revelação destas medidas transformadoras, é evidente que o Governador Cássio Cunha Lima não está apenas a reduzir impostos, mas a contribuir activamente para o desenvolvimento sustentável do sector artesanal e da comunidade em geral.

Código fonte :-
https://www.clickpb.com.br/paraiba/cassio-anuncia-reducao-de-icms-para-fabricantes-de-redes-de-sao-bento-5975.html

Para saber mais sobre visite aqui :-
https://cassiocunhalima.com/mais-sobre-cassio-cunha-lima/