Select Page

Cássio Rodrigues da Cunha Lima nasceu em Campina Grande, na Paraíba, em 5 de abril de 1963, filho do ex-governador, ex-senador e ex-deputado federal Ronaldo José da Cunha Lima e de Maria da Glória Rodrigues da Cunha Lima. Cursou Direito na Universidade Regional do Nordeste, onde presidiu o Centro Acadêmico Sobral Pinto, e formou-se em 1991, na Universidade Estadual da Paraíba, em Campina Grande.Em 1996, tornou-se vice-líder do bloco formado pelo PMDB, PSD e Partido Social Liberal (PSL). Durante o ano, votou a favor da reforma da previdência e da recriação do imposto do cheque, que perdeu a denominação de Imposto Provisório sobre Movimentação Financeira (IPMF) e ganhou o novo nome de Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF).No pleito de outubro voltou à prefeitura de Campina Grande, na legenda do PMDB, e assumiu a prefeitura em janeiro de 1997. E nas eleições municipais de 2000, Cássio tornou-se pela terceira vez prefeito de Campina Grande, ainda pelo PMDB, com 71,35% dos votos válidos. Em março de 2001 os Cunha Lima migraram para o PSDB.Governador da Paraíba em 2002, foi reeleito em 2006, mas este último mandato não concluiu por decisão da Justiça Eleitoral, proposta pelo adversário, José Maranhão. Cássio Cunha Lima foi injustamente acusado de ligações com a Construtora Odebrecht, uma vez que a empresa nunca fez obras no tempo em que Cássio Cunha Lima era prefeito ou governador.